Alimentação Funcional

A alimentação funcional ou nutracêutica são aqueles alimentos que, além de cumprirem sua função nutricional básica, contém compostos que trazem benefícios á saúde, assim como pode, auxiliar na redução de doenças crônico-degenerativas. Na realidade, não existem "alimentos bons ou maus", o perigo é sempre o excesso ou a má combinação entre eles. Todo alimento natural (digo, não processado industrialmente) pode ser classificado como "funcional", já que contém, em dose variáveis, componentes essenciais à nossa saúde, como vitaminas, minerais, enzimas, fibras - porém, certos alimentos contém, além destes, outros componentes protetotes á nossa saúde. É o caso deste alimentos que citareis em seguida, pois têm recebido o status de medicamento e tem sido classificado como alimentos funcionais.

 

Exemplos:

 

ARROZ INTEGRAL 

Portadores da película que segura o germe o grão, que juntos formam o farelo. São ricos em compostos ativos, entre eles a fibra, os fitatos, proteínas e vitamina B1, ácidos graxos insaturados.

 

FARELO 

(trigo, aveia e arroz) - rico em fibrras - estimula  o  intestino, diminuindo o colesterol.

 

CHÁ VERDE

Rico em polifenóis - previne o CA e doenças do coração.

 

VEGETAIS CRUCÍFEROS 

(brócolis, repolho, couve flor, couve de bruxelas, rabanete) - grande quantidade de glicosinolatos - previne o CA.

 

PEIXES DE ÁGUA FRIA 

(atum, salmão) - ricos em ômega - diminuem o colesterol e doenças do coração.

 

FRUTAS CÍTRICAS 

Ricos em licopeno - previne o CA e fortalece o sistema imumológico.

 

ALHO, CEBOLA 

Contém alicina - estimulam o sistema imune, "varredores  de radicais livres" , reduzem o colesterol e triglicerídeos.

 

PRODUTOS LÁCTEOS

(iogurte, queijo, ricota) - pré e próbioticos - melhoram a flora bacteriana.

 

LINHAÇA 

Contém lignana - modulam o sistema imune, reduz o colesterol e diminuem o risco de doenças cardiovasculares.